segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Resultados da Semana Azul e Branca


Futebol:
Equipa principal
Na quinta, 07 de novembro, o FC Porto deslocou-se ao terreno do Rangers, em jogo a contar para a 4ª jornada da fase de grupos da Liga Europa. No final do encontro verificou-se a derrota dos Dragões por 2-0.
No domingo, 10 de novembro, o FC Porto deslocou-se ao terreno do Boavista, em jogo a contar para a 11ª jornada da I Liga. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 1-0, com golo de Alex Telles.

Equipa B
No sábado, 09 de novembro, o FC Porto B deslocou-se ao terreno do Mafra, em jogo a contar para a 10ª jornada da II Liga. No final do encontro verificou-se a derrota dos Dragões por 3-1, sendo o golo portista apontado por Ángel Torres.

Juniores A
Na quarta, 06 de novembro, os sub19 receberam o NK Domžale, em jogo a contar para a 1ª mão da 2ª eliminatória do Caminho dos Campeões da UEFA Youth League. No final do encontro verificou-se um empate a 2, com os golos portistas a serem apontados por Duarte Moreira e Tomás Esteves.
No sábado, 09 de novembro, o FC Porto recebeu o Vitória de Guimarães, em jogo a contar para a 12ª jornada da 1ª fase do campeonato nacional de juniores A. No final do encontro verificou-se a derrota dos Dragões por 0-2.

Juniores C
No domingo, 10 de novembro, os sub15 deslocaram-se ao terreno do Cesarense, em jogo a contar para a 11ª jornada da 1ª fase do Campeonato Nacional de Juniores C. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 0-9, com golos de Guilherme Belinha (2), Tiago Andrade, Filipe Teixeira, Martim Silva, Dinis Rodrigues (2), Afonso Sousa e Martim Rodrigues.

Andebol
Na quarta, 06 de novembro, o FC Porto deslocou-se ao terreno do Benfica, em jogo a contar para a 11ª jornada do campeonato nacional. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 23-33.
No domingo, 10 de novembro, os Dragões deslocaram-se ao terreno do THW Kiel, em jogo a contar para a 7ª jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 27-28.

Hóquei
No sábado, 09 de novembro, o FC Porto recebeu o HC Braga, em jogo a contar para a quinta jornada do Campeonato Nacional. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 4-3.

Basquetebol
No domingo, 10 de novembro, o FC Porto recebeu o Esgueira, em jogo a contar para a 6ª jornada  da Liga Portuguesa de Basquetebol. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 76-70.

Voleibol
No domingo, 10 de novembro, a AJM/FC Porto recebeu o Sporting, em jogo a contar para a 6ª jornada da 1ª fase do Campeonato Nacional da 1ª Divisão feminina de voleibol. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 3-1.



domingo, 10 de novembro de 2019

Crónica e Análise: Boavista 0 – FC Porto 1


1 – Crónica

Na noite deste domingo o FC Porto deslocou-se ao terreno do Boavista, em jogo a contar para a 11ª jornada da I Liga. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 0-1.
Para este jogo Sérgio Conceição apostou num onze composto por Diogo Costa; Manafá, Mbemba, Marcano e Alex Telles; Danilo, Loum e Otávio; Corona, Marega e Fábio Silva.
O FC Porto entrou bem em jogo e ao minuto 9, Alex Telles, na primeira oportunidade que teve, colocou os Dragões em vantagem. Ao minuto 13, Fábio Silva esteve perto de aumentar a vantagem portista no marcador, no entanto não rematou com a direção desejada. Mais tarde, minuto 24, Marcano rematou, mas a bola passou perto do poste. Do outro lado do campo, ao minuto 27, o Boavista procurou responder e até ficou perto de marcar.
O segundo tempo foi mais disputado a meio campo, sem muitas situações de perigo junto de ambas as balizas. Ainda assim, ao minuto 71, Loum atirou um pouco ao lado. E já perto do final do encontro Zé Luis quase conseguiu fazer o segundo golo, contudo a bola acertou no poste da baliza adversária.
Com esta vitória o FC Porto soma 28 pontos e está no segundo lugar do campeonato, a dois pontos do Benfica.

2 – Análise

Depois de uma derrota para a Liga Europa, o FC Porto voltou ao campeonato em casa do Boavista. Não se esperava um jogo fácil, até porque os jogos no Bessa nunca são fáceis. E de facto não foi fácil. Entretanto surgiu um contratempo, ontem soube-se que Marchesin, Saravia, Uribe e Luis Díaz iam ficar fora da convocatória para este jogo, por terem quebrado uma das regras do regulamento interno do clube. Estou de acordo com o castigo aplicado pelo FC Porto e por Sérgio Conceição aos 4 jogadores. As regras existem e são para serem cumpridas por todos. Se o FC Porto e o treinador deixarem passar uma situação destas sem punição estão a abrir um precedente difícil de controlar. São profissionais de futebol, ganham bem e tem de respeitar o clube com quem tem contrato e que lhes paga os salários. É verdade que esta situação foi um contratempo, mas também é verdade que o plantel tem soluções e estava certa que quem entrasse para o onze ia dar o seu melhor. Não estava enganada. Diogo Costa não teve muito trabalho, é verdade, mas esteve tranquilo entre os postes. Loum esteve muito bem a meio campo e, quem sabe, ganhou pontos. Vamos ver o que acontece. O FC Porto fez um jogo interessante, foi uma equipa determinada e inteligente. Houve muita luta – como se esperava; não houve muitas oportunidades de golo para ambos os lados; mas o FC Porto conseguiu concretizar uma das oportunidades que teve. Destaco, por isso, Alex Telles. Mas destaco também Fábio Silva, que esteve muito disponível para ajudar a atacar e a defender, o menino está a trabalhar para ganhar o seu espaço; e Loum, que agarrou a oportunidade para mostrar que pode ser útil para a equipa.
Em suma, o FC Porto conseguiu somar os três pontos num terreno tradicionalmente difícil. Segue-se uma paragem para jogos das seleções.




sábado, 9 de novembro de 2019

Antevisão da 11ª Jornada da I Liga


1 – Aqui está a antevisão de Sérgio Conceição da 11ª jornada da I Liga, frente ao Boavista.

“"VAMOS TENTAR QUE SEJA MAIS FÁCIL DO QUE NO ANO PASSADO"

Sérgio Conceição projetou o Boavista-FC Porto, da décima primeira jornada da Liga NOS (domingo, 21h00)
O FC Porto regressa ao campeonato este domingo para defrontar o Boavista, em jogo da décima primeira ronda da Liga NOS. Antevendo o dérbi portuense, que começa no Estádio do Bessa às 21h00, Sérgio Conceição disse que os Dragões estão empenhados em conseguir uma vitória mais fácil do que a da época passada no terreno dos boavisteiros, garantindo estar preparado para qualquer estratégia montada por Lito Vidigal.
Dérbi da Invicta
“Queremos fazer um bom jogo e ganhar, o resultado é o mais importante. É um dérbi histórico. O Boavista está muito competitivo este ano, com o Lito Vidigal, e apenas perdeu a invencibilidade na última jornada. A nós cabe-nos fazer o melhor para ganhar os três pontos”.
Boavista bem classificado
“O jogo não será mais especial por isso, todos os jogos são importantes e competitivos. Os momentos das equipas, por vezes, são irrelevantes para o que vai acontecer nos noventa minutos. Estou a lembrar-me por exemplo do jogo do ano passado, resolvido nos descontos, com um Boavista menos bem do que esta época. Cada jogo tem a sua história e nós vamos fazer com que a história deste ano seja mais positiva. Vamos tentar que seja mais fácil do que no ano passado. Nós vamos trabalhar para conseguir mais uma vitória no nosso trajeto, rumo ao nosso objetivo, que é ganhar o campeonato”.
Pouco tempo de recuperação perante adversário combativo
“Ao contrário do que muitos românticos dizem, o futebol moderno tem a ver com equipas combativas e agressividade boa nos duelos. Olhemos para o futebol na Escócia e para o que se passou no nosso último jogo. O Celtic, por exemplo, também foi a Roma ganhar à Lázio. Depois, dentro destas características, surge o sexto momento, que é o talento dos jogadores e que pode resolver o jogo. Esperamos continuar a melhorar o nosso rendimento”.
Marega, ausência de Pepe e esquema tático de Glasgow
“O esquema tático de Glasgow teve a ver com a especificidade do jogo e os jogadores disponíveis. Amanhã é outro jogo. Não tendo o Pepe, uma baixa importante, tal como a do Sérgio Oliveira e a do Romário, já temos os outros todos disponíveis, incluindo o Marega. E isso é o mais importante para formar a estratégia de maneira a levar de vencida o Boavista”.
Luis Díaz
“A preparação dos jogos é detalhada e os pormenores de cada jogo são corrigidos. Já falei com ele naturalmente sobre a última partida. Não tivemos muito tempo para preparar este jogo, mas é esta a realidade. Agora não vale a pena insistir no que já passou, temos de pensar no mais importante, que é o próximo jogo”.
Postura do Boavista em campo
“Por aquilo que é a lógica, espero uma linha de cinco atrás, com três centrais. Mas o Lito pode surpreender e apresentar, sem bola, um médio que funciona como terceiro central e que sobe à linha média quando a equipa tem bola. Aquilo que eu posso controlar é a minha equipa e é nisso que estou concentrado”.
Boavista sofre poucos golos
“Não acredito que alguém prepare os jogos para empatar. Eu também já treinei equipas mais pequenas. Uma coisa é ter atenções defensivas, outra é pôr uma equipa inteira em cima da linha de golo para não sofrer. O Boavista pode apresentar-se mais recuado, estamos preparados para isso”.
Uribe
“Para representar o FC Porto não basta ter contrato, é preciso sentir o clube, a região, os adeptos, a nossa forma de estar. No último jogo do campeonato, por exemplo, o Corona não esteve muito bem naquilo que é a imprevisibilidade, o brilhantismo que mete em campo, mas esteve muito bem na transpiração, na atitude. Não quero referir-me em particular a um ou outro jogador, prefiro destacar o estado de espírito que tem de existir no FC Porto”.”

Em


2 – O meu palpite para a equipa titular é:
Diogo Costa; Mbemba, Diogo Leite, Marcano e Alex Telles; Danilo, Bruno Costa e Otávio; Corona, Zé Luis e Soares.

3 – Sobre o jogo
É o dérbi da cidade do Porto. Não se esperam facilidades, mas espera-se que os comandados de Sérgio Conceição transformem as dificuldades em facilidades. Para tal espera-se um FC Porto competente; concentrado; coeso; confiante; determinado; ambicioso; motivado; empenhado; rigoroso; sólido; solidário; unido; e eficaz tanto a defender como a atacar.
Força FC Porto!