quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Resultados da Semana Azul e Branca


Futebol: 
Equipa principal
Na quinta, 03 de outubro, o FC Porto deslocou-se ao terreno do Feyenoord, em jogo a contar para a 2ª jornada da fase de grupos da Liga Europa. No final do encontro verificou-se a derrota dos Dragões por 2-0 

Equipa B 
No sábado, 05 de outubro, o FC Porto B deslocou-se ao terreno do Nacional, em jogo a contar para a 14ª jornada da II Liga. No final do encontro verificou-se a derrota dos Dragões por 4-1, sendo o golo portista apontado por Vítor Ferreira.

Juniores A 
Na quarta, 02 de outubro, os sub19 receberam o Liepaja, em jogo a contar para a 1ª mão da 1ª eliminatória do caminho dos campeões da UEFA Youth League. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 4-2, sendo os golos portistas apontados por Gonçalo Borges, Fábio Vieira, Afonso Sousa e Vítor Ferreira. 
No domingo, 06 de outubro, o FC Porto recebeu o Rio Ave, em jogo a contar para a 8ª jornada da 1ª fase do campeonato nacional de juniores A. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 4-1, sendo os golos portistas apontados por Bernardo Folha, Seco Sani, Gonçalo Borges e Francisco Conceição. 

Juniores B 
No sábado, 05 de outubro, os Sub17  receberam o Marialvas, em jogo a contar para a 7ª jornada da 1ª fase do campeonato nacional de juniores B. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 11-0, com golos de Lucas Gomes (2), Gabriel Bras, Ricardo Rei, Martim Tavares (2), Ruben Candal (3), Ruben Cardoso, e Joel Carvalho. 

Juniores C 
No domingo, 06 de outubro, os Sub15 deslocaram-se ao terreno do Freamunde, em jogo a contar para a 6ª jornada da 1ª fase do campeonato nacional de juniores C. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 0-6, com golos de Tiago Campas (2), Tiago Andrade, Carlos Durães, Lionardo Oliveira e Luis Gomes. 

Andebol: 
No sábado, 05 de outubro, o FC Porto deslocou-se ao terreno do ABC de Braga, em jogo a contar para a 7ª jornada do campeonato nacional. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 29-32.

Hóquei: 
No sábado, 05 de outubro, o FC Porto defrontou a Oliveirense, em jogo a contar para a Supertaça. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 6-4.

Basquetebol: 
No Sábado, 05 de outubro, o FC Porto deslocou-se ao terreno do Galitos, em jogo a contar para a 1ª jornada da Liga Portuguesa de Basquetebol. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 

Voleibol: 
No sábado, 05 de outubro, o FC Porto defrontou o Leixões, em jogo a contar para a Supertaça. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 3-2. 



quinta-feira, 3 de outubro de 2019

Crónica e Análise: Feyenoord 2 - FC Porto 0


1 - Crónica 

No início de noite desta quinta o FC Porto deslocou-se ao terreno do Feyenoord, em jogo a contar para a 2ª jornada da fase de grupos, grupo G, da Liga Europa. No final do encontro verificou-se a derrota dos Dragões por 0-2. 
Para este jogo Sérgio Conceição apostou num onze composto por Marchesin; Manafá, Pepe, Marcano e Alex Telles; Danilo, Uribe e Otávio; Nakajima, Zé Luis e Marega. 
O FC Porto entrou bem em jogo e podia ter marcado logo ao minuto 8, quando Nakajima rematou, contudo atirou por cima. Mais tarde, minuto 20, Zé Luis não conseguiu acertar na baliza. Do outro lado do campo, os Holandeses procuraram responder, sem contudo terem criado real perigo para a baliza de Marchesin. Ao minuto 37 Pepe ficou perto de colocar o FC Porto em vantagem, no entanto, viu o guarda-redes adversário negar-lhe os festejos. 
O Feyenoord entrou melhor no segundo tempo e ao minuto 49 colocou-se em vantagem no marcador. O FC Porto foi atrás do empate e, ao minuto 61, Otávio teve uma boa oportunidade para o fazer, mas acertou na barra. Na resposta os Holandeses também acertaram na barra da baliza portista. Sendo que no minuto seguinte o Feyenoord voltou a ter uma oportunidade para marcar, mas desta feita a bola foi à malha lateral. Na resposta foi Marega quem ficou perto de marcar, contudo, não teve pontaria para acertar na baliza. Ao minuto 74, foi Luis Díaz a tentar marcar, mas também acertou na barra da baliza. Do outro lado do campo os Holandeses responderam à pressão portista e, ao minuto 80, aumentaram a vantagem no marcador. Já perto do minuto 90, foi Soares quem rematou, no entanto, como não há duas sem três, viu a bola acertar no poste. 
Com este resultado o FC Porto continua com 3 pontos tantos quantos somam Feyenoord, Young Boys e Rangers. 

2 - Análise 

Não se esperava um jogo fácil, e, de facto, não o foi. O FC Porto controlou e dominou a espaços, teve oportunidades para marcar, no entanto, a pontaria esteve muito desafinada. E como quem não marca arrisca-se a sofrer, os Dragões viram o adversário marcar por duas vezes. Mais uma vez o FC Porto voltou a perder por manifesta falta de pontaria. 
Em suma, os Dragões perderam por culpa própria. A margem de erro é menor agora, tendo em conta a classificação equilibrada do grupo, todos os pontos contam e todos os pontos podem fazer falta para passar à próxima fase da prova. 




quarta-feira, 2 de outubro de 2019

Antevisão da 2ª Jornada da Fase de Grupos da Liga Europa

1 - Aqui está a antevisão de Sérgio Conceição e de Otávio da 2ª jornada da fase de grupos da Liga Europa, frente ao Feyenoord


SÉRGIO CONCEIÇÃO: "TEMOS DE PROVAR A SUPERIORIDADE EM CAMPO"

FC Porto enfrenta o Feyenoord em Roterdão esta quinta-feira (17h55), na segunda jornada do Grupo G da Liga Europa
O FC Porto mede forças com o Feyenoord em Roterdão, esta quinta-feira, às 17h55 (SIC), num confronto da segunda ronda do Grupo G da Liga Europa. Na antevisão da partida, Sérgio Conceição falou de Jaap Stam, treinador da formação holandesa e velho colega de equipa, e disse estar preparado para qualquer estratégia do adversário, realçando que a superioridade teórica dos azuis e brancos tem de ser confirmada no relvado.

Jaap Stam, técnico do Feyenoord
“O Stam era uma pessoa não muito expansiva no balneário, mas era um líder, uma pessoa com caráter. Não passámos muito tempo juntos, mas os meses em que convivemos foram muito bons, é uma excelente pessoa. A equipa do Feyenoord tem a ver com o futebol holandês em que se marcam muitos golos. Ao vermos o comportamento que teve com o Rangers na Liga Europa, percebemos que houve aspetos que não mostraram na competição interna e estamos preparados para qualquer cenário apresentado pelo Feyenoord. Penso que o Stam poderá mudar um pouco a postura que o Feyenoord tem tido no campeonato”.

Tecatito Corona
“Temos alternativa. A dinâmica de uma equipa tem a ver com a relação entre os jogadores. Os nossos jogadores sabem bem o que têm de fazer. Os avançados têm de ter conhecimento do que fazem os defesas e vice-versa, por aí. Se ele jogar do lado direito, dará a resposta que tem de dar à equipa, com e sem bola”.

A equipa mais forte do grupo
“Em termos teóricos, temos um historial superior ao das outras, mas temos de provar a superioridade em campo. Em relação a mim, eu era um extremo que atacava e defendia, e por isso gosto que as minhas equipas saibam ser equilibradas em campo”.

Fazer história
“Para mim é sempre especial participar em qualquer jogo. É sempre um orgulho representar o FC Porto. Relativizo um pouco o que se passou no Euro 2000 na Bélgica e na Holanda. Quando estiver desempregado, vou ter tempo para relembrar os momentos que vivi em 2000 com os três golos que marquei pela seleção neste estádio”.

Supertaça Europeia no Dragão em agosto
“Sei desse facto, porque essa final será no nosso estádio, mas ainda não conversei com os jogadores sobre isso, converso sobre o que temos de fazer em campo. Estamos focados em cada jogo que fazemos, vamos etapa a etapa”.”

OTÁVIO: "QUEREMOS A NONA VITÓRIA SEGUIDA"

Médio brasileiro perspetivou o Feyenoord-FC Porto, da segunda jornada do Grupo G da Liga Europa (quinta-feira, 17h55)
Otávio foi o jogador escolhido para se sentar ao lado de Sérgio Conceição na conferência de imprensa de antevisão do Feyenoord-FC Porto, referente à segunda jornada do Grupo G da Liga Europa (quinta-feira, 17h55, SIC). O médio brasileiro apelou à concentração da equipa nos dois lados do campo e não escondeu que seria “muito bom” somar o segundo triunfo em outros tantos jogos nesta Liga Europa.

Concentração máxima
“Temos que fazer o nosso trabalho. Já levamos alguns jogos sem sofrer golos e isso deixa-nos mais perto de ganhar. O Feyenoord marca muitos golos, mas também sofre, por isso temos de estar concentrados e fazer o nosso trabalho na defesa e no ataque, de forma a aproveitarmos as fragilidades deles.”

Sempre com o pensamento na vitória
“O FC Porto entra sempre para ganhar. Amanhã queremos a nona vitória seguida e vamos entrar para conquistar os três pontos. Duas vitórias em dois jogos seria muito bom para nós.”

Um troféu para conquistar
“O FC Porto entra em todas as competições para ganhar e esse é o nosso foco, mas pensamos sempre jogo a jogo. Se conseguirmos vencer esta competição, será algo histórico para este plantel.”

As instruções do treinador
“Não posso dizer o que está planeado para amanhã.”

Pressão alta
“Somos uma equipa muito pressionante e temos jogadores para isso. Todos ajudam a defender e atacar, por isso só temos de continuar a fazer o nosso trabalho como até aqui.”

FC Porto favorito?
“Isso é conversa fiada. No futebol já não existem equipas fracas ou jogadores fracos. Vai ser um jogo de igual para igual que se vai decidir nos detalhes.””

Em 


2 - O meu palpite para a equipa titular é: 

Marchesin; Manafá, Pepe, Marcano e Alex Telles; Danilo, Uribe e Otávio; Luis Díaz, Zé Luis e Marega. 

3 - Sobre o jogo
Não se espera um jogo fácil, mas espera-se que os comandados de Sérgio Conceição transformem as dificuldades em facilidades. Para tal espera-se um FC Porto competente; concentrado; coeso; confiante; determinado; ambicioso; motivado; empenhado; sólido; solidário; unido; e eficaz tanto a defender como a atacar.
Força FC Porto! 


segunda-feira, 30 de setembro de 2019

Resultados da Semana Azul e Branca


Futebol:
Equipa principal
Na quarta, 25 de setembro, o FC Porto recebeu o Santa Clara, em jogo a contar para a 1ª jornada da fase de grupos da Taça da Liga. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 1-0, com golo de Diogo Leite.
No domingo, 29 de setembro, os Dragões deslocaram-se ao terreno do Rio Ave, em jogo a contar para a 7ª jornada da I Liga. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 0-1, com golo de Marega.

Equipa B
Na quarta, 25 de setembro, o FC Porto B defrontou o Swansea, em jogo a contar para a 1ª jornada da fase de grupos da Premier League International Cup. No final do encontro verificou-se a derrota dos Dragões por 5-1, sendo o golo portista apontado por Diego Landis.

Juniores A
Na sexta, 27 de setembro, os sub19 deslocaram-se ao terreno do Vizela, em jogo a contar para a 7ª jornada da 1ª fase do campeonato nacional de juniores A. No final do encontro verificou-se um empate a 2, sendo os golos portistas apontados por Duarte Moreira.

Juniores B
No domingo, 29 de setembro, os sub17 deslocaram-se ao terreno do FC Régua, em jogo a contar para a 6ª jornada da 1ª fase do campeonato nacional de juniores B. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 1-4, com os golos portistas a serem apontados por Adoulai Candé, Francisco Ribeiro, João Magalhães e Ricardo Rei.

Juniores C
No domingo, 29 de setembro, os sub15 receberam o Boavista, em jogo a contar para a 5ª jornada da 1ª fase do campeonato nacional de juniores C. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 3-1, com os golos portistas a serem apontados por André Oliveira, Afonso Leite e Carlos Durães.

Andebol:
Na terça, 24 de setembro, o FC Porto recebeu o SC Horta, em jogo a contar para a 6ª jornada do campeonato nacional. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 37-27.
No sábado, 28 de setembro, os Dragões receberam o Vive Kielce, em jogo a contar para a 3ª jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 33-30.

Hóquei:
No sábado, 28 de setembro, o FC Porto defrontou o CE Lleida, em jogo a contar para a meia final da Taça Continental. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 8-2.
No domingo, 29 de setembro, os Dragões defrontaram o Sporting, em jogo a contar para a final da Taça Continental. No final do encontro verificou-se a derrota dos Dragões por 3-2.

Basquetebol:
No domingo, 29 de setembro, o FC Porto defrontou a Oliveirense, em jogo a contar para a final da SuperTaça. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 92-69.



domingo, 29 de setembro de 2019

Crónica e Análise: Rio Ave 0 – FC Porto 1


1 – Crónica

No início de noite deste domingo o FC Porto deslocou-se ao terreno do Rio Ave, em jogo a contar para a 7ª jornada da I Liga. No final do encontro verificou-se a vitória dos Dragões por 0-1.
Para este jogo Sérgio Conceição apostou num onze composto por Marchesin; Corona, Pepe, Marcano e Alex Telles; Danilo, Uribe e Otávio; Nakajima, Zé Luis e Marega.
O FC Porto entrou bem em jogo e no segundo minuto teve a primeira oportunidade para marcar, mas Marega não conseguiu ser eficaz. Ao minuto 12, Marega não desperdiçou a oportunidade e colocou os Dragões em vantagem. Ao minuto 31, Uribe poderia ter aumentado a vantagem portista, contudo não deu a melhor sequência ao lance. Do outro lado do campo o Rio Ave não conseguia criar perigo junto da baliza à guarda de Marchesin.
No segundo tempo o Rio Ave procurou reagir à desvantagem e o FC Porto sentiu mais dificuldades para chegar à frente. Ainda assim, por duas vezes, Alex Telles esteve perto de marcar, na primeira vez viu o guarda-redes adversário negar-lhe os festejos, na segunda viu a barra travar o seu remate. Do outro lado do campo, os da casa chegaram a marcar, mas o golo foi anulado por fora de jogo.  Até ao final a defesa portista teve trabalho, mas os Vila Condenses não conseguiram marcar.
Com este resultado o FC Porto soma 18 pontos e permanece no terceiro lugar, em igualdade pontual com o Benfica, a 1 ponto do líder Famalicão.


2 – Análise

Não se esperava um jogo fácil e, de facto, não o foi. O FC Porto fez uma primeira parte interessante. Não se pode dizer que os Dragões tenham beneficiado de muitas ocasiões para marcar, mas sim que beneficiaram das oportunidades suficientes para terem uma vantagem mais folgada ao intervalo. A segunda parte foi mais complicada para o FC Porto, justamente por não ter aumentado a vantagem no primeiro tempo. O Rio Ave procurou reagir e chegar ao empate. Os vila condenses deram trabalho à defesa portista, mas no final foram os Dragões a ficar com os 3 pontos. Interessante o facto de, pela necessidade, Sérgio Conceição ter alterado um pouco a forma da equipa posicionar-se em campo, dirão alguns que foi um risco, eu digo que foi um bom risco, porque correu bem. É preciso ter sempre mais do que uma alternativa e é importante que a equipa esteja preparada para alterar o esquema no meio do jogo.
Em suma, o FC Porto somou os 3 pontos num terreno habitualmente difícil, num jogo também ele difícil. Agora segue-se uma longa paragem no campeonato para jogos da Taça da Liga, da Taça de Portugal e das Seleções. Mas antes disso vem aí a Liga Europa. Vamos Porto!


sábado, 28 de setembro de 2019

Antevisão da 7ª Jornada da I Liga


1 – Aqui está a antevisão de Sérgio Conceição do jogo da 7ª jornada da I Liga, frente ao Rio Ave.

“"É UMA DAS SAÍDAS TEORICAMENTE MAIS COMPLICADAS"
Sérgio Conceição falou sobre o Rio Ave-FC Porto, da sétima jornada da Liga NOS (domingo, 20h00)
Depois do arranque vitorioso na Taça da Liga, o FC Porto volta a apontar o foco ao campeonato, cuja sétima jornada reserva uma sempre difícil deslocação a Vila do Conde, onde os Dragões defrontam o Rio Ave (domingo, 20h00, Sport TV). No lançamento do desafio com os vila-condenses, Sérgio Conceição elogiou a equipa comandada por Carlos Carvalhal, mas garantiu que o FC Porto vai com tudo para somar a oitava vitória consecutiva, a sexta no que diz respeito à Liga.
Parabéns pelos 126 anos, FC Porto
“Sinto-me sempre satisfeito por estar neste clube, independentemente dos momentos. Esse é sempre o meu estado de espírito pois gosto muito do FC Porto. Foi essa paixão que tenho pelo clube que fez com que conseguisse ultrapassar os momentos menos bons. Aproveito para dar os parabéns a todas as pessoas que fizeram ou fazem parte deste clube, sobretudo aos adeptos. O FC Porto tem uma marca muito própria. Numa entrevista, o Paulo Futre disse que quando o FC Porto perdia, a cidade chorava. Isto é muito forte e simboliza bem aquilo que são os nossos adeptos. Costumo ir correr nas manhãs dos dias de jogo e os adeptos que passam por mim não dizem bom dia, dizem que é para ganhar e fazem-no de forma agressiva. Criou-se uma forma de estar nesta cidade e neste clube que é muito própria. Só quem passa por aqui é que percebe este sentimento. É um sentimento muito forte. Que venham muitos mais anos e cheios de títulos.”
As expectativas de sempre
“As expectativas são sempre as de fazer um bom jogo e conseguir os três pontos. Percebemos que teoricamente esta é uma das saídas mais complicadas que temos, frente a um Rio Ave que tem muita qualidade individual e uma dinâmica interessante. Olhamos para o adversário, mas como sempre, olhamos acima de tudo para aquilo que podemos e devemos fazer. A partir daí, baseamos o nosso trabalho diário nesse foco para conquistar os três pontos. Estamos preparados para aquilo que é a equipa do Rio Ave, pois também temos a nossa identidade e a nossa forma de jogar. Estamos preparados para os pontos fortes do Rio Ave e para o bom momento que atravessa.”
O empate em Vila do Conde na época passada
“Olhamos para o jogo anterior que fizemos e temos a tendência de ser algo repetitivos, mas é natural. Quando olhamos para o jogo que fizemos e preparamos o próximo, abordamos os aspetos negativos e as coisas que podemos melhorar. Estamos tão focados no momento e no próximo jogo que não nos lembramos do que aconteceu na época passada. Nem é falado sequer, mas é normal que se olhe para os últimos jogos entre as duas equipas.”
A equipa que vai iniciar o jogo
“Poderá haver modificações no onze.”
Sempre em busca da perfeição
“Existem sempre erros durante um jogo, sejam individuais ou coletivos. Depois do que fazemos ofensivamente, temos de perceber que há o momento da perda da bola e é importantes estarmos equilibrados. Temos estado atentos a muitas situações. No último jogo fiquei muito contente com o facto de os jogadores terem interpretado na perfeição as coisas novas que introduzimos. Estamos sempre à procura da perfeição e de melhoria constante, de forma a que cada jogo seja o mais perfeito possível em todos os momentos. Trabalhamos muito esse tipo de situações e queremos aperfeiçoá-las ao máximo. O futebol decide-se muitas vezes nos detalhes e os detalhes são extremamente importantes.”
O Sporting na luta pelo título
“O Sporting continua a ser uma instituição muito grande e é sempre um candidato ao título.”
Um copo de vinho com Carlos Carvalhal
“Estou disponível, com muito gosto. Conheço o Carlos Carvalhal há muitos anos e tem feito um trajeto muito interessante. É uma pessoa muito positiva no futebol.””

Em

2 – O meu palpite para a equipa titular é:
Marchesin; Corona, Marcano, Pepe e Alex Telles; Danilo, Uribe e Otávio; Luis Diaz, Zé Luis e Nakajima.

3 – Sobre o jogo
Depois da Taça da Liga regressa o campeonato e com uma deslocação a um terreno difícil. Não se espera, por isso, um jogo fácil, mas espera-se que os comandados de Sérgio Conceição transformem as dificuldades em facilidades. Para tal espera-se um FC Porto competente; confiante; coeso; concentrado; determinado; empenhado; rigoroso; ambicioso; motivado; sólido; solidário; unido; e eficaz tanto a defender como a atacar.
Força FC Porto!