quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Avançado? Talvez Para Janeiro

No último dia de mercado de transferências não houve novidades para os portistas, Álvaro Pereira não saiu e não entrou nenhum avançado. Agora fica a questão, será que o FC Porto fez mal em impedir a saída do lateral uruguaio? Se por um lado percebo o ponto de vista dos dirigentes portistas, talvez assim alguns agentes percebam que no FC Porto as coisas não funcionam como eles querem, mas sim como o FC Porto quer. Por outro lado corremos o risco de ter um jogador contrariado, que poderá render menos. Veremos o que acontece. Espero que Álvaro Pereira respeite o FC Porto e os seus adeptos e que tenha paciência, quem sabe na próxima época não tem a oportunidade de sair? A questão da não compra de um avançado é que me preocupa. Kleber e Walter serão suficiente? Não sei, aliais, acho que ninguém sabe responder a esta questão. Talvez falte um golo a Kleber para sacudir a pressão e finalmente mostrar trabalho, ou talvez precise de tempo. A situação de Walter é um pouco diferente, está com um problema familiar e isso afecta o seu rendimento em campo. Espero que em breve fique tudo bem com a filha do jogador e que Walter possa dar o seu contributo à equipa. Assim sendo, avançado só se for na reabertura do mercado em Janeiro. Até lá, é com estes que vamos contar e é a estes que vamos apoiar.

2 comentários:

Dragus Invictus disse...

Boa noite,

O mercado fechou, muitos de nós estávamos à espera da contratação de um avançado para o lugar de Falcao. Mas a vir tinha de ser um de qualidade, que de caras entrasse no onze.

Apesar de Pinto da Costa dizer que não precisava de substituto para o R9, o clube talvez tenha mesmo procurado mais uma solução de ataque, mas possivelmente as alternativas qualidade/preço não seriam as desejáveis.

Falcao saiu numa altura em que mercado estava a "mexer".
Nessa fase haviam mais opções de escolha, mas talvez pelo atraso do pagamento de Falcao e Ruben, não terá havido capacidade financeira para comprar Damião ... sim porque os outros não passaram de especulações.
Love já havia sido abordado, ainda Falcao estava no Porto.

O clube também tinha uma situação complicada para gerir, pois além de termos demasiados extra-comunitários e termos obrigatoriamente de colocar Walter para outro extra-comunitário entrar, sabe-se que Walter que na pré-época tinha pleno apoio do mister, está a viver um drama. A sua filha nasceu prematura, chegou a correr perigo de vida, e o atleta tem andado num vai e vem hospital - treino. Para piorar Walter teve uma pequena lesão.

Ora, sabemos como o nosso clube trata os atletas. Pinto da Costa nunca iria mandar o rapaz embora sem estabilidade.
O mesmo acontece com Rafa que estando a recuperar de uma lesão gravíssima que se calhar o irá impedir de voltar a ser o que era, também acabou por ficar.

Ruben foi apanhado quando Pinto da Costa puxou o tapete a Jorge Mendes, que assim deixou de ter qualquer atleta por si representado no nosso clube. Falcao mudou muito desde a renovação até às polémicas declarações.Cheira-me que houve dedo de Jorge Mendes.
Na selecção nacional, se não se põem a pau, ele vai minar aquilo. Ricardo Carvalho, um profissional exemplar não ia abandonar a selecção só porque ia ficar no banco um jogo. Esta é uma história incompleta.

De positivo deste fecho de mercado, temos o facto de Guarin e Alvaro permanecerem, e penso que vão ser empenhados e sérios na defesa da camisola.
Também de positivo temos o facto de nos termos livrado de muitos "monos", jogadores que jamais se afirmariam no clube.

Tive pena pelo empréstimo de Castro e Sérgio Oliveira, bem como como me entristece só ver 4 portugueses (Rafa incluído) no plantel.

Positiva também a inscrição do jovem goleador francês, Thibaut Vion, que havia sido contratado em Junho.

Vamos ter confiança no nosso mister, e contamos com os que cá estão, que terão o apoio da nação portista.

Somos Porto!

Abraço

Paulo

pronunciadodragao.blogspot.com

dragao vila pouca disse...

Agora são estes que temos, é com estes que temos de atingir os onjectivos: liderar a Liga e atingir os oitavos-de-final da Champions. Lá mais para a frente e se for preciso, contrataremos um avançado.
Beijinhos